Gente que faz o bem




Instituição completa 20 anos dedicados a crianças e adolescentes de Pernambuco

"Promover o protagonismo social e político de crianças, adolescentes, jovens e famílias em situação de vulnerabilidade social, com base numa proposta de formação cidadã". Essa é a missão da Casa de Passagem, uma instituição sem fins lucrativos que atua, desde o final da década de 1980, no Recife (Pernambuco) e na Região Metropolitana da Capital.
Fundada em janeiro de 1989, inicialmente, a Casa de Passagem era destinada a meninas em situação de rua. Depois, passou a atender também crianças, adolescentes e jovens, de 7 a 24 anos, em situação de vulnerabilidade social e pessoal. Hoje, de acordo com o assessor de comunicação da entidade, Thiago Nunes, a Casa desenvolve atividades com crianças, adolescentes e jovens na capital pernambucana e em mais 16 comunidades da Região Metropolitana do Recife.


Segundo o assessor, a entidade trabalha realizando intervenção biopsicossocial, através de cursos profissionalizantes e de ações que incentivam o protagonismo político e social de crianças, adolescentes e jovens. Ele comenta que, atualmente, são 1.200 beneficiados diretamente com as atividades da Casa de Passagem.

As ações da entidade são divididas em três programas: Passagem para a Vida; Comunidade e Cidadania; e Iniciação ao Trabalho. Segundo o assessor, o Programa Passagem para a Vida é destinado a meninas de 7 a 17 anos de idade e visa a promover os direitos de cidadania, buscando a reestruturação da identidade e a reinserção das meninas na família, na escola e na sociedade.

O Programa Comunidade e Cidadania tem o objetivo de promover a ampliação social e política de adolescentes e jovens de 13 a 24 anos através da participação na melhoria da qualidade de vida das comunidades em que residem. Esse programa conta também com a participação das famílias dos integrantes, além de mulheres e líderes comunitários.

Já no Programa de Iniciação ao Trabalho, adolescentes e jovens de 16 a 24 anos que participaram dos outros Programas têm a oportunidade de realizar capacitação profissional para, assim, conseguirem a inserção no mercado de trabalho. Para o assessor, a formação de jovens é uma grande conquista da instituição. "Conseguimos a inserção muito grande dos jovens no mercado de trabalho", comemora.

Somente no ano passado, 358 adolescentes e jovens receberam capacitação profissional. Entre os cursos ministrados estavam: Gestão de Negócios, Bijuteria, Cozinheiro auxiliar, Desenvolvimento de produto, Aproveitamento de alimentos, Manutenção e Conserto de Microcomputador, Acessórios, Marketing e Vendas, Telemarketing, Tecelagem, Moda e Estilismo, Maracatu Moda e Artesanato.

Para Nunes, as conquistas não se resumem apenas na formação profissional, mas inclui o resgate da autoestima das comunidades carentes. Além disso, ele comenta que o trabalho da entidade ainda ajuda na mudança de comportamento das pessoas. Ele explica que, antes, muitas famílias viam a violência doméstica, por exemplo, como um fato natural, realidade que, aos poucos a Casa de Passagem está conseguindo mudar.

Com 20 anos de existência, a Casa de Passagem já conseguiu reconhecimento nacional e internacional. Na semana passada, a entidade recebeu homenagem da Câmara dos Vereadores do Recife, que destacou a importância da Casa na promoção do protagonismo social e político das crianças, adolescentes, jovens e famílias em situação de vulnerabilidade social. Segundo Thiago Nunes, no próximo mês, a Assembleia Legislativa de Pernambuco também homenageará a instituição pelo trabalho realizado.

A Casa de Passagem não ajuda somente crianças e adolescentes, mas também auxilia na construção de um futuro mais justo e com a participação ativa de jovens. Segundo o assessor de comunicação, o objetivo maior da entidade é retirar as crianças e os adolescentes da situação de vulnerabilidade social e trabalhar a formação cidadã de cada um.


Fonte: Adital
Compartilhe
Envie por email
Imprimir
voltar topo da pagina

Contém Amor

Contém Amor

Agenda

Guia do Empreendedor...

Audioteca Sal e Luz...

Enquetes

Você é contra ou a favor da reforma política através de plebiscito popular?

 A favor

 Contra

 Não tenho opinião formada

Ver resultado

Outras enquetes

Amaivos 2012 - Todos os direitos reservados.