Pílulas Espirituais - 07/novembro

Publicado em 7/11/2018 por: Pe. Pedro Magalhães Guimarães Ferreira S.J.

393.« É de se advertir que todos os danos que a alma recebe, nascem dos inimigos que são o mundo, o demômio e a carne. O mundo é o inimigo menos difícil, o demônio é o mais obscuro para se entender, a carne é o mais tenaz de todos e seus acometimentos duram, enquanto dura o homem velho. » (São João da Cruz, Cautelas)

394.« Para vencer totalmente um desses inimigos, é necessário vencer a todos tres. E enfraquecendo um, se enfraquecem os outros. E vencidos os tres, acaba a ‘guerra’ da alma. »

(Idem.)

395.« A castidade perfeita coloca a pessoa em um estado de espiritual solidão, paz, tranquilidade,, clareza, amabilidade e alegria, nos quais a pessoa é plenamente preparada para a meditação e contemplação. » (Thomas Merton, New Seeds of Contemplation. New Directions Publishing : New York, 1961, p. 111)

396.“[...] a virtude da mansidão faz o homem amável aos outros homens, a virtude da humildade o faz amável a Deus”. (BAC, Obras de San Buenaventura, tomo II, p. 650)

397.“As únicas pessoas que crescem na verdade são aquelas que são humildes e honestas. Esta é uma verdade tradicional na doutrina cristã e é a máxima dos Alcólicos Anônimos. Sem estas duas qualidades, nós não crescemos [espiritualmente]. Se nós usarmos a religião para nos engrandecermos, estamos no caminho errado. Humildade e honestidade são na realidade a mesma coisa. Uma pessoa humilde é simplesmente alguem que é ‘brutalmente’ [aspas minhas] honesta a respeito de toda a verdade”. (Richard Rohr, Everything belongs - The gift of contemplative prayer. Crossroad, 2003, p. 120)

Pe. Pedro M. Guimarães Ferreira S.J.